Sexta-feira, 13 de Fevereiro de 2009

Os autores?


António Marques Bessa é doutorado em Ciências Sociais e é vice-presidente do Conselho Pedagógico do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas e coordenador institucional do programa Erasmus-Sócrates. Dirige o Centro de Estudos de Geopolítica do ISCP. Publicou entre outras obras: Dicionário Político do Ocidente, Introdução À Etologia e O Olhar de Leviathan.

Jaime Nogueira Pinto é doutorado em Ciências Sociais pelo Instituto de Ciências Sociais e Políticas no qual lecciona Ciência Política e Relações Internacionais. É presidente do Conselho de Administração da Fundação Luso-Africana para a Cultura. Entre as obras publicadas, refiram-se O Fim do Estado Novo e as Origens do 25 de Abril e
A Direita e as Direitas.

publicado por annualia às 15:30
link do post | comentar
Sábado, 27 de Dezembro de 2008

Samuel P. Huntington (1927-2008)

Huntington

Professor e politólogo norte-americano (Nova Iorque, 18.4.1927 - Martha's Vineyard, 27.12.2008) formado aos 18 anos pela Universidade de Yale e que aos 23 era já docente em Harvard, a que para sempre permaneceria ligado e onde desempenhou diversos cargos: foi, por exemplo, director do Harvard's Center for International Affairs (1978 – 1989) e fundou o John M. Olin Institute for Strategic Studies, de que foi director de 1989 a 1999. Foi presidente da Harvard Academy for International and Area Studies.

Tornou-se mais conhecido do grande público através do livro The Clash of Civilizations and the Remaking of World (1996), no qual defende a tese de que no mundo pós-Guerra Fria os conflitos violentos não adviriam da fricção ideológica entre Estados, mas sim das diferenças culturais e religiosas entre as maiores civilizações do mundo, sendo estas a Ocidental (abrangendo a Europa e os EUA), a Latino-Americana, Islâmica, Africana, Ortodoxa (cujo coração é a Rússia), a Hindu, Japonesa e a Sínica (incluindo a China, a Coreia e o Vietname).

O seu primeiro livro The Soldier and the State: The Theory and Politics of Civil-Military Relations (1957) é ainda um livro fundamental sobre as relações entre os domínios político e militar. Em 1964, publicou com Zbigniew Brzezinski Political Power: USA-USSR. O volume Political Order in Changing Societies (1969) é um marco da análise do desenvolvimento político e económico do Terceiro Mundo. Outro dos seus livros que deixaram rasto profundo foi The Third Wave: Democratization in the Late Twentieth Century (1991). Em 2000, foi co-editor de Culture Matters: How Values Shape Human Progress. O seu último livro foi Who Are We? The Challenges of America's National Identity (2004), uma reflexão sobre a consciência cultural da América.  

 

publicado por annualia às 19:31
link do post | comentar
Segunda-feira, 27 de Outubro de 2008

Annualia 2008-2009: as vidas

 

 

publicado por annualia às 11:32
link do post | comentar
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008

Que História o absolverá?

 

 

publicado por annualia às 23:17
link do post | comentar
ANNUALIA
annualia@sapo.pt

TWITTER de Annualia

Artigos Recentes

O problema da política nã...

... na verdadeira generos...

... o homem é simultaneam...

William Safire (1929-2009...

... as causas da união, p...

A exaltação da liberdade

... a partir de que momen...

O discurso antigo da feli...

História das Ideias: mora...

Alexis de Tocqueville (18...

Arquivo

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

todas as tags

pesquisar

 

Subscrever feeds

blogs SAPO