Terça-feira, 24 de Junho de 2008

Klaus Michael Grüber (1941-2008)

Encenador alemão (Neckarelz, Alemanha, 4.6.1941 - Belle-Ile-en-Mer, França, 23.6.2008). Assistente de Giorgio Strehler, acompanhou-o na fundação do Piccolo Teatro de Milão, onde se estrou como encenador com a Pentesileia de Kleist. Regressado à Alemanha, pôs em cena (1974) Dans la jungle des villes, de Brecht, na Schauspielhaus de Frankfurt, e depois (1976) As Bacantes de Eurípides, na Schaubühne de Berlim. Considerado um mestre da geração posterior (de que fazem parte, entre outros, Patrice Chéreau e Robert Wilson), alguns dos seus espectáculos tornaram-se lendários nos meios do espectáculo, como foi o caso do Fausto (1976), que encenou na antiga capela da hospital parisiense de Salpétrière, ou a Winterreise, baseada em Hölderlin, produzida no Olympia Stadion de Berlim, embora tivesse abordado muitos outros autores, como Beckett, Shakespeare, Minetti, Pirandello, Racine, Peter Handke, Ésquilo ou Hermann Broch. Tornou-se depois notado pelas suas encenações de espectáculos de ópera, que incluiram obras de Mozart, Alban Berg, Rossini, Verdi, Janacek, Wagner e Richard Strauss.

 

 

publicado por annualia às 12:00
link do post | comentar
ANNUALIA
annualia@sapo.pt

TWITTER de Annualia

Artigos Recentes

Prémio de Poesia Luís Mig...

Prémio Pessoa 2009/ D. Ma...

Prémio Goncourt de Poesia...

Prémio Cervantes 2009/ Jo...

O Homem da Capa Verde

Anselmo Duarte (1920-2009...

Francisco Ayala (1906-200...

Claude Lévi-Strauss (1908...

Prémio Goncourt/ Marie Nd...

Alda Merini (1931-2009)

Arquivo

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

todas as tags

pesquisar

 

Subscrever feeds

blogs SAPO