Quinta-feira, 11 de Junho de 2009

Prémio Príncipe das Astúrias de Comunicação e Humanidades

 

A Universidade Nacional do México foi fundada em 1910, como instituição de ensino superior herdeira da Real Pontifícia Universidade do México, criada em 1551 segundo o modelo da Universidade de Salamanca. Em 1929, o Governo federal concedeu-lhe o actual estatuto de autonomia, adoptando então, também o seu nome actual de Universidade Nacional Autónoma do México (UNAM). Hoje, tornou-se no principal centro de estudos superiores do México e um dos mais importantes da América Latina.
No campo das Humanidades, a UNAM destacou-se pela sua trajectória de abertura ao pensamento ibero-americano e como centro de acolhimento de destacados pensadores e professores espanhóis exilados na sequência da Guerra Civil. Os centros universitários que esta área de conhecimento compreende, como os institutos de Investigações Históricas, Filosóficas, Filológicas e Estéticas, produziram mais de 2700 livros, além de editarem 16 revistas periódicas.
A UNAM está encarregada de gerir a Biblioteca Nacional e a Hemeroteca Nacional, tendo a sua própria rede de 141 bibliotecas. Irradia uma ampla actividade cultural expressa em múltiplas facetas, como é o caso das suas orquestras filarmónica e sinfónica; uma emissora de rádio e un canal de televisão; a filmoteca mais importante do país; o Centro Universitário de Estudos Cinematográficos, que é a escola de cinema mais antiga da América Latina e uma rede de museus universitários com um amplo espectro temático. A UNAM tem um portal digital institucional e muitos outros correspondentes aos seus centros, que a colocaram no primeiro lugar da Iberoamérica. Das suas salas de aula saíram os três mexicanos galardoados com o Prémio Nobel e oito dos dez que receberam o Prémio Príncipe das Astúrias. O seu campus principal na capital mexicana, a Cidade Universitária, inaugurada en 1954, foi declarada Património Cultural da Humanidade pela UNESCO, em 2007, como exemplo de conjunto monumental do modernismo do século xx.

 

publicado por annualia às 11:34
link do post | comentar
ANNUALIA
annualia@sapo.pt

TWITTER de Annualia

Artigos Recentes

Prémio de Poesia Luís Mig...

Prémio Pessoa 2009/ D. Ma...

Prémio Goncourt de Poesia...

Prémio Cervantes 2009/ Jo...

O Homem da Capa Verde

Anselmo Duarte (1920-2009...

Francisco Ayala (1906-200...

Claude Lévi-Strauss (1908...

Prémio Goncourt/ Marie Nd...

Alda Merini (1931-2009)

Arquivo

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

todas as tags

pesquisar

 

Subscrever feeds

blogs SAPO