Segunda-feira, 2 de Março de 2009

Henrique Pousão: 150 anos do nascimento

 
Pintor português (Vila Viçosa, 1.1.1859 - ibid., 20.3.1884) que estudou na Academia Portuense de Belas-Artes, da qual foi pensionista em Paris (1880). Aí contraiu tuberculose, o que o leva a refugiar-se, primeiro na Bretanha e depois em Roma e Nápoles, onde esperava condições climáticas mais favoráveis ao seu estado de saúde. Instalado na ilha mediterrânica de Anacapri, regressando à terra natal onde morreu enquanto pintava.
A sua obra não é extensa, dada a brevidade da sua vida, mas é reconhecidamente de grande qualidade. A sua notável capacidade de pintar a luz fez com que Pousão fosse posteriormente tido como adepto do impressionismo, embora tal pretensão pareça não ter fundamentos reais. Como afirmou Flórido de Vasconcelos «a maneira como Henrique Pousão sente a luz e a interpreta nos seus quadros, tornando as cores luminosas e vivas, é de uma originalidade extrema e de um encanto perene, que não precisa de rótulos escolares para se impor por si só».
O seu fascínio pela luz parece relacionar-se com a memória do Sul, lugar de nascimento e morte. Sobre este aspecto da pintura de Pousão, escreveu Diogo de Macedo: «A cal do casario, os verdes dos cactos e das piteiras, o azul prússico do mar e o opalino dos céus tomavam luminosidades que davam riqueza às telas de grande cenário. Preciosas, por contraste, eram as cores queimadas e os tons complementares onde a luz se intrometia, emprestando coloridos imprevistos nos objectos, conseguindo quase violências de certos pormenores, que mais carácter davam aos motivos eleitos, provocando qualidades de esmalte nas claridades das tábuas, frescuras de porcelana que, segundo gostos em voga, eram marcadas com delicadeza de japonesismos.»

 
A Casa de Persianas Azuis
1883 (?), óleo sobre madeira
28,5 x 25,6 cm
Museu Nacional Soares dos Reis
Porto, Portugal

Senhora Vestida de Negro
1882, óleo sobre madeira
28,5 x 18,5 cm
Museu Nacional de Sores dos Reis
Porto, Portugal.

 

 

publicado por annualia às 10:23
link do post | comentar
ANNUALIA
annualia@sapo.pt

TWITTER de Annualia

Artigos Recentes

Prémio de Poesia Luís Mig...

Prémio Pessoa 2009/ D. Ma...

Prémio Goncourt de Poesia...

Prémio Cervantes 2009/ Jo...

O Homem da Capa Verde

Anselmo Duarte (1920-2009...

Francisco Ayala (1906-200...

Claude Lévi-Strauss (1908...

Prémio Goncourt/ Marie Nd...

Alda Merini (1931-2009)

Arquivo

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

todas as tags

pesquisar

 

Subscrever feeds

blogs SAPO